O que é Light Painting e como usá-lo na Fotografia?

Fotografia com efeito Light painting

As primeiras fotos em Light Painting de que se tem conhecimento foram feitas por Étienne Jules Marey e Georges Demeny, dois inventores franceses, mas o primeiro registro de seu uso artístico na fotografia foi em 1935 pelo pintor e fotógrafo americano, Man Ray.

Uma fotografia artística de 1935 - "Mans Ray"
Man Ray “Space Writing”, 1935

Man Ray simplesmente montou uma câmera para fazer um auto retrato. Ele então, usou uma pequena lanterna para desenhar uma série de traços indistinguíveis no ar, criando o efeito luminoso visto na imagem acima.

Isso é o Light Painting. Com ele você cria um rastro de luz, captado apenas pelo sensor da sua câmera e ficando registrado eternamente na fotografia.

A captura da imagem é realizada através da longa exposição que capta a luz em movimento.

O que é Light Painting?

 A tradução de light painting para o português é “pintando com a luz”, só pelo nome podemos ter uma ideia do que se trata essa técnica pouco complexa, mas muito útil e que causa um efeito visual incrível na fotografia, que permite ao fotógrafo muitas experimentações e composições únicas.

O resultado dessa técnica é de tirar o fôlego do espectador e é perfeita para quem adora fotos criativas e inovadoras.

 Quem vê o light painting de fora pode pensar que se trata de um tratamento gráfico feito no computador, de fato é possível fazer algo semelhante no photoshop, mas o light painting é, pura e simplesmente, uma técnica fotográfica usada para literalmente pintar com a luz usando a longa exposição da câmera, como melhor explicado nos exemplos abaixo.

Linda fotografia com efeito de luzes

Essa é uma técnica da fotografia moderna que vem sendo muito explorada nos últimos anos graças ao aprimoramento das câmeras digitais e o uso das lâmpadas led nos ensaios fotográficos.

 A técnica pode ser usada em fotografias artísticas, fotografias de retratos ou retratos de casais, o único limite para o uso light painting é a imaginação do fotógrafo. E isso ele provavelmente tem de sobra!

 Por isso, se você deseja dar um Up no seu portfólio, cativar seus clientes, ou se quer apenas se divertir com os amigos criando fotos incríveis, leia esse artigo até o final. Adquira o material necessário e coloque o que aprendeu em prática!

Descomplicando o Light Painting 

 No light painting, uma fonte luminosa é usada para “interagir” com o assunto a ser fotografado em um cenário predominantemente escuro. Assim, juntos eles formam a composição final da foto, uma mistura interessante de realidade com ilusão.

Então é recomendado fotografar em um estúdio, no entanto, a técnica também pode ser usada em fotografias ao ar livre, desde que, durante à noite.

A câmera deve ficar imóvel em um tripé, o obturador da câmera precisa ficar aberto com uma exposição longa já programada. Enquanto a câmera permanece parada com o foco no assunto, o fotógrafo se movimenta pelo cenário iluminando determinadas partes com uma fonte de luz, que pode ser uma lâmpada comum, uma lâmpada led ou uma lanterna.

Os movimentos da fonte luminosa na cena serão registrados pela câmera interagindo com o assunto principal, dependendo  de como foi movimentada durante a exposição. Então o resultado final é quase como mágica!

E o melhor é que você pode experimentar infinitas possibilidades de criação, a sua mente não fica limitada às regras.

Certamente na internet você encontrará diversos exemplos do uso do light paint para você se inspirar. Mas você vai perceber que cada fotógrafo criou uma composição diferente usando praticamente os mesmos materiais.

Como usar o Light Painting na prática?

Fotografia abstrata, escura com efeito light painting

Agora fique atento ao passo a passo para realizar a sua primeira fotografia Light Paint:

Materiais necessários

Dependendo de qual é o seu nível de familiaridade e interesse profissional com a fotografia o número de materiais que você vai precisar comprar pode ser grande. Sempre há a possibilidade de usar alguns atalhos para não gastar tanto no início, usando por exemplo, a lanterna do celular como fonte de luz:

  1. Câmera: Quanto mais atual melhor. Não há uma preferência por uma câmera DSLR ou uma Mirrorless, ambas podem fazer a captura da imagem;
  1. Tripé: O Tripé precisa ser firme para que a câmera permaneça estável durante todo o ensaio. Caso não tenha um tripé, procure uma superfície plana onde possa apoiar a câmera;
  1. Uma fonte de luz: A luz pode ser proveniente de uma lâmpada led, lâmpadas halógenas, lanternas ou até mesmo a luz do seu celular;

As lâmpadas led são mais utilizadas  para criar esse tipo de efeito isso porque, dependendo da grossura podem criar traços mais leves e suaves ou mais espessos e poderosos. Elas também possuem a vantagem de serem fáceis de se manobrar pelo cenário e ainda contam com uma enorme variedade de cores disponíveis para compra;

  1. Flash: Como você vai estar em um ambiente sem luz natural, é importante ter um flash consigo.
  1. Um lugar escuro: Um lugar escuro é essencial para conseguir fazer o light paint. Dê preferência para o horário noturno;
  1. Uma roupa escura: A roupa escura serve para que você não seja capturado pelo sensor da câmera quando estiver desenhando no cenário. Caso tenha a ajuda de um amigo ou assistente nessa fase, peça para ele usar roupas escuras também e evite estragar a ilusão;
  1. Um(a) modelo paciente: Supondo que você vá trabalhar fotografando pessoas. Digo isso porque a modelo vai precisar segurar a pose por alguns segundos a mais do que em uma sessão fotográfica padrão.

Passo a passo

  • Em um cenário predominantemente escuro, pegue sua câmera e a estabilize-a no chão com o tripé ou em uma superfície reta. Regule o obturador da câmera para um longo período de exposição, quanto maior, mais nítido será o desenho e mais tempo você terá para compô-lo no ar.
  • Com a câmera no modo manual, para se obter um resultado mais controlado e com qualidade. Posicione o(a) modelo, caso haja um(a), na posição desejada. Regule o foco da câmera e peça ao modelo para manter a posição.
  • Agora é a hora de pegar a fonte de luz de sua preferência e começar a desenhar. Libere a imaginação e comece a criar, escrever, fazer contornos, espirais, formas ou efeitos psicodélicos. O céu é o limite!

Existem mais de uma forma de empregar o light painting que podem ser usadas em conjunto, tudo depende da técnica, imaginação do fotógrafo e de suas referências. Através dessa técnica você pode criar e experimentar composições diferentes e criativas que darão uma cara nova ao seu portfólio, página do instagram ou, para os curiosos de plantão, apenas para se divertir com os amigos criando fotos incríveis e iluminadas.

Light Painting na Fotografia Artística

fotografia escura com dois bonequinhos desenhados em luz

A fotografia artística é o campo que melhor pode ser explorado no light painting, isso porque, não existem regras claras na arte. É nesse tipo de fotografia que o fotógrafo pode soltar a imaginação, empregando outras técnicas e composições, buscando os mais loucos e inventivos efeitos e transmitir as mais diferentes ideias e impressões. 

Como fotógrafo artístico podemos citar o fotógrafo David Labe para você se inspirar ou o próprio pioneiro Man Ray.

Light Painting na Fotografia de Retratos

Na fotografia de retratos o light painting terá de interagir com a/o modelo de algum ângulo, criando os efeitos de luz. Para isso, posicione a modelo em frente à câmera.

Ajuste o foco da câmera e configure-a para uma longa exposição de pelo menos uns cinco minutos. Assim, com a modelo na pose desejada, pegue uma segunda fonte de luz, pode ser uma led colorida, vá por trás do(a) modelo e comece a desenhar no ar com a luz.

Em ensaios de debutantes e aniversariantes, por exemplo, você pode desenhar a idade da aniversariante por trás dela. Em um ensaio de gestante você pode escrever o nome do futuro bebe, ou então a frase “it ‘sa girl” ou “it’ sa boy”. Não seria incrível?

 O Light Painting é uma ótima solução para fotógrafos que querem se diferenciar e obter destaque. Fazendo fotografias mais artísticas que atraiam um público maior, pois existem muitas fotografias dentro desse nicho que são iguais, ou com uma distinção mínima entre si.

Se diferenciar da concorrência pode acender o desejo no coração do cliente e contribuir para o sucesso do seu negócio.

Light Painting na Fotografia de Casais

Efeito Light painting aplicado em fotografia de um casal

 A fotografia de casais é semelhante a de retratos. Durante a noite posicione o casal em frente a câmera na pose desejada, ajuste a câmera no tripé e faça as definições necessárias no fotômetro.

Peça ao casal para permanecerem na posição por mais alguns segundos, você ou um colega desenhe na frente, ou atrás. Podem fazer ondas ao redor do casal, a data de casamento ou um simples coração. Você certamente será reconhecido pela sua imaginação e criatividade.

Fique atento, pois essa técnica é pouquíssima usada nesse nicho. Aproveite a oportunidade para cativar os noivos. Agora uma outro efeito que vale a pena conhecer é o Lens Flare, esse também tem como fundamento a luz.

Agora que você sabe como usar o light painting, faça uso desse conhecimento e comece a criar. Não é preciso ter um super equipamento para criar fotos extraordinárias como estas, apenas ter os conhecimentos básicos a respeito da fotografia e conhecer as configurações da câmera.

Então se você ama fotografar e quer aprender mesmo a dominar seu equipamento ou quem sabe até fazer uma renda extra, pense se seria vantajoso para você fazer um curso de fotografia.

Lembrando que o light painting é uma técnica experimental, então, para obter os resultados esperados faça seus próprios testes até ganhar prática. Além disso, seja paciente e faça vários ensaios.

Para mais dicas sobre fotografia confira nossos outros artigos aqui mesmo no site… e fique sempre atento às novidades, curiosidades e técnicas do universo fotográfico.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.