História da fotografia

História da Fotografia

História da Fotografia
Avalie este post

A História da Fotografia é uma das primeiras coisas que procuramos saber quando decidimos estudar e aprender com mais profundidade essa arte. Então, vamos, neste post entender melhor de onde surgiu e como evoluiu a fotografia no últimos anos.

A palavra Fotografia tem origem do grego [fós] (“luz”), e [grafis] (“estilo”, “pincel”) ou grafê, e significa “desenhar com luz e contraste”.

A fotografia é definida como uma técnica de criação de imagens realizada através de exposição luminosa, sendo ela fixada em uma superfície sensível.

Os princípios básicos da fotografia que foram determinados há décadas, não sofreram modificações, principalmente a partir da introdução do filme colorido, entretanto, ocorreram diversos avanços tecnológicos que favoreceram a técnica, e com ela ocorreu grandes melhorias na qualidade da imagem produzida, bem como na eficiência no qual ocorre o processo de produção e a redução de custos na elaboração do trabalho.

História da fotografia

A fotografia não é a obra final de um único criador, ela é originada da junção de diversas ideias, oriundas de diversas pessoas, que ao longo da história uniu esses conceitos e processos dando origem a essa arte.

O conceito mais antigo é o da câmara escura, que foi descrita em 1558, pelo napolitano Giovanni Baptista Della Porta, e conhecida por Leonardo da Vinci que a utilizava, para esboçar pinturas no século XVI, assim como grande parte dos artistas da época.

O primeiro registro histórico da fotografia é datado do ano de 1826, e foi atribuído ao francês Joseph Nicéphore Niépce, e foi feito em uma placa de estanho coberta com um derivado de petróleo fotossensível chamado Betume da Judéia.

A imagem foi produzida com uma câmera, e foram necessárias cerca de oito horas de exposição à luz solar. Nièpce batizou esse processo de “heliografia”, ou seja, gravura com a luz do Sol.

Esta é a primeira fotografia da história:

A primeira fotografia da história
Entretanto, ele não foi o inventor da fotografia sozinho, a verdade é que esse foi um processo de criação no qual várias pessoas trabalharam juntas ou em paralelo ao longo dos anos, cada uma fazendo sua parte, até que o objetivo fosse alcançado.

Ao mesmo tempo, outro francês, conhecido como Daguerre, produziu com uma câmera escura efeitos visuais em um espetáculo chamado de “Diorama”. Daguerre e Niépce se corresponderam durante alguns anos, firmando uma sociedade no futuro.

Veja também as 20 primeiras fotos da história da fotografia.

A popularização da fotografia

Em 1888, a empresa Kodak iniciou um discurso de marketing que permitiu a popularização a fotografia, no qual eles afirmavam que todos poderiam tirar suas fotos, sem precisar de fotógrafos profissionais com sua câmera tipo “caixão” e pelo filme em rolos substituíveis criados por George Eastman.

Foi a partir desse momento que o mercado fotográfico apresentou sua evolução tecnológica mais evidente, como o estabelecimento do filme colorido como padrão e o foco automático, ou exposição automática.

História da fotografia - Filmes Kodak

Essa inovação no universo da fotografia facilitou a captação da imagem, permitindo a melhora na qualidade de reprodução ou a rapidez do processamento, entretanto, apesar dessas inovações poucos detalhes foram alterados com relação aos princípios básicos da fotografia.

A digitalização da fotografia

A principal mudança que ocorreu no mundo da fotografia, foi a digitalização das imagens que ocorreu a partir do final do século XX.

Em 1988, a Fuji mostrou ao mundo a primeira câmera digital planejada para os consumidores finais. Ela não chegou a ser comercializada, mas apresentou ao mundo uma nova tecnologia que revolucionou o mercado: o cartão de memória removível desenvolvida junto com a Toshiba.

A fotografia digital trouxe mudanças nos paradigmas do mundo da fotografia, reduzindo os custos, minimizando algumas etapas etapas, antecipando processos e facilitando a produção, manipulação, armazenamento e transmissão de imagens pelo mundo.

Com o aprimoramento da tecnologia de reprodução de imagens digitais tem acontecido a quebra de barreiras de restrição com relação a este sistema, principalmente por setores que ainda preferem utilizar o tradicional filme, ampliando assim, o domínio da fotografia digital.

A fotografia nos dias de hoje

Nos dias atuais, com o uso da tecnologia digital, o mundo da fotografia tem sofrido drásticas mudanças em seus paradigmas, isso porque os equipamentos hoje oferecidos para o público no geral, tem seus preços reduzidos e suas formas de pagamento facilitadas, o que fez com que essa arte torna-se algo bastante popular.

Além disso, o processo de captação, armazenagem, impressão e reprodução de imagens tem-se tornado cada vez mais simplificado, assim como a qualidade de imagem e a forma facilitada do uso desses novos equipamentos.

Outro fator que democratizou e popularizou o uso da fotografia foi a incorporação da câmera fotográfica aos telefones celulares, pois, a partir desse momento, a fotografia virou parte do cotidiano da população que cada vez mais usa esse recurso para registrar os mais diversos momentos de sua vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *