Fotografias de longa exposição

Fotografias de longa exposição

Fotografias de longa exposição
Avalie este post

Fotografias de longa exposição, a técnica que lhe permite obter imagens com belos efeitos de movimento, luzes e sombras.

Em outro artigo explicamos o que é exposição na fotografia e mostramos quais são as configurações que você precisa conhecer para usar esse recurso.

Hoje vamos mostrar como usar a fotografia de longa exposição, e como aproveitar como recurso e co.

Fotografias com longa exposição

Velocidade do obturador

O segredo está no obturador da câmera e o que você deve fazer é controlar o tempo de contato entre a luz e o sensor ou o filme, ainda existem pessoas que tiram fotos com filme, acredite.

Existem vários modelos de câmeras no mercado que permitem controlar a velocidade do obturador, e é uma delas que você deve comprar se deseja usar esse efeito.

Tempo de exposição

Podendo controlando a velocidade do obturador você irá ajustar o tempo de exposição que é nada mais que o tempo que o obturador leva para abrir e fechar, e nesse instante de tempo passará uma maior ou menor quantidade de luz necessária para formar a imagem. Ou seja, quanto mais tempo o obturador ficar aberto, mais luz passará para o sensor de sua câmera.

Por esta razão, uma das principais peculiaridades das fotos sensacionais de longa exposição é poder “ler” mais nuances e detalhes da cena. Isto é conseguido porque durante um tempo de exposição mais longo, o sensor captura muitos outros dados.

Fotografia em longa exposição

Desta forma, ao aumentar o tempo de exposição, a sensação de fluidez tão característica neste tipo de imagens é alcançada.

Para fotos de exposição longa, recomenda-se que a velocidade do obturador nunca seja inferior a 1/2 segundo, mas pode ser ampliada muito mais.

Tenha sempre um Tripé

Se você deseja experimentar criar este tipo de fotografia, tenha em mente algo importante: um tripé (existem opções a partir de 5,00 no buscapé) é essencial: este acessório evita que as fotos sejam movidas, como quando você segura a câmera em sua mão por mais de alguns segundos.

E quando qualquer movimento acontece na câmera durante uma foto de longa exposição, o resultado que você irá alcançar é apenas um borrão de luz sem muito sentido.

Por acaso do destino isso poderia até resultar em uma foto interessante, mas acredite a grande maioria delas não irá te oferecer bons resultados.

Fotografias de longa exposição para compensar a falta luz

Ainda que seu desejo não seja tirar fotos com rastro de luz, aprender a usar o tempo de exposição pode ser extremamente importante quando você tem pouca luz no meio ambiente ou não pode usar o flash.

A lógica é bem simples de entender, se você tem um ambiente de pouca luz pode resolver isso, basicamente, de duas formas. Aumentando a luz no ambiente, ou aproveitando ao máximo a luz disponível.

A utilização do flash permite aumentar a luz do ambiente, e aumentar o tempo de exposição permite aproveitar melhor a luz disponível.

Experimente, e faça muitos testes.

Como qualquer outra técnica na fotografia, você só irá assimilar o conceito quando praticar bastante.

Então, não perca mais tempo: Ajuste a velocidade de exposição da sua câmera e, com a ajuda de um tripé, vá buscar suas melhores imagens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *